Bênção de ser Homem Lyrics - Luís Represas

Luís Represas Hora do Lobo cover art
Release information
Release Date: 1998
length: 4:58

Quem subir ao cimo dessas dunas
Há-de ver o mar
Onde eu pescava um dia
Sem saber
Que pescar é benção de ser Homem
E ser Homem é
A benção de poder viver de pé
Já muitas campas eu pisei sem querer
E outras eu abri cedo de mais
Se alguém me obriga a ir além fronteiras
Eu me assumo aqui
Como mais um dos animais
(...quisera eu que fôssemos iguais)
Quem subir ao cimo desse monte
Há-de ver a terra
Onde eu lavrava sonhos sem saber
Que lavrar é benção de ser Homem
E ser Homem é
A benção de poder sonhar de pé
Já muitas vidas eu levei sem querer
E outras eu roubei cedo demais
Se alguém me obriga a ir além fronteiras
Fujo como foge
Qualquer um dos animais
(...quisera eu que fôssemos iguais)
Fecho a fronteira p´ra lá de mim
Olho-me em ti p´ra me ver
Juro que a paz não faz parte de um sonho
Espero por ti p´ra vencer
Quem descer o curso desse rio
Há-de ver as margens
Onde eu amei um dia sem saber
Que amar é benção de ser Homem
E ser Homem é
Amar a benção de quem nos quiser
Já muita esperança eu tirei sem querer
E outras eu vivi cedo demais
Ninguém me obriga a ir além fronteiras
Onde ninguém se ama
Nem o melhor dos animais
(...quisera eu que fôssemos iguais)


Lyrics licensed by Lyricfind.com
Tracklist
CD 1
  • 1 Assalto (Ao Beijo Armado)
  • 2 No Escuro
  • 3 A Hora do Lobo
  • 4 Enquanto Dormes
  • 5 Não me Atrevo
  • 6 Do Fundo do Tempo
  • 7 A Última Festa
  • 8 Em Frente do Sol
  • 9 Bênção de ser Homem
  • 10 Yolanda